Com escola reformada, alunos da U.E.B. Professor José da Silva Rosa estão mais motivados

Apaixonados por literatura infantil, os estudantes Luan Sousa, 6 anos, e Maria Eduarda, 7 anos, agora têm um espaço adequado, climatizado e recheado com os livros que gostam de ler. Ambas as crianças são alunas do 1º ano na Unidade de Educação Básica (U.E.B.) Professor José da Silva Rosa, entregue pelo prefeito Edivaldo amplamente reformada e requalificada, no sábado (28), no São Bernardo. A nova biblioteca da escola é um dos espaços melhorados e apreciados pela garotada no retorno às aulas da unidade, após passar por uma série de intervenções para melhoria de sua estrutura física e pedagógica.

“As rodadas de leitura aqui são minhas atividades preferidas. E agora está ainda melhor porque a sala foi reformada, tem ar-condicionado e muitos livros para a gente ler e estudar”, disse o pequeno Luan. Maria Eduardo também compartilha do pensamento do colega. “Agora eu gosto de vir para a escola, porque a reforma deixou nossa escola muito melhor”, acrescentou a menina.

Para a professora de Ciências da nova U.E.B. Professor José da Silva Rosa, Elmirinda de Almeida Araújo, até o ato de ministrar as aulas melhorou em todos os aspectos com os novos recursos pedagógicos e a climatização das salas. “As crianças ficam muito mais calmas e concentradas para absorver o conteúdo abordado, contribuindo, consequentemente, com a melhoria da sua aprendizagem. As atividades de classe ficam muito mais produtivas, um aspecto que facilita também o nosso trabalho como educador”, observou a professora.

Os reflexos positivos da melhoria da estrutura física e pedagógica da escola já podem ser sentidos pelos cerca de 780 alunos atendidos pela unidade, no Ensino Fundamental. A escola possui 10 salas de aula, sendo uma para educação especial, cozinha, diretoria/secretaria e pátio coberto.

Que o diga o estudante Erick Martins, 8 anos, aluno do 3º ano do Ensino Fundamental na escola. Envolvido em sua atividade de ciências sobre o desenvolvimento das plantas, o menino era pura empolgação com a sala de aula nova e a muda de feijão cultivada por ele próprio como atividade escolar. “Todos nós agora adoramos estudar aqui, porque tudo está novinho e bonito”, disse Erick.

Também foi amplamente reformada e melhorada a sala de atendimento educacional especializado. O espaço é voltado à prática de atividades específicas para o desenvolvimento das potencialidades de alunos que apresentam necessidades educacionais especiais de aprendizagem.

REVITALIZAÇÃO

Para garantir melhor estrutura física, projetos pedagógicos envolventes e melhoria das condições operacionais para proporcionar um processo de aprendizagem satisfatório a todos os envolvidos, a Prefeitura de São Luís promoveu uma completa revitalização estrutural na U.E.B. Professor José da Silva Rosa.

As obras na unidade contemplaram intervenções nas redes elétrica e hidráulica, serviços de retelhamento, construção de rampas de acessibilidade, nova pintura, entre outros serviços. No processo de reestruturação da unidade, a escola também recebeu materiais e novas ferramentas pedagógicas para auxiliar alunos e professores nas aulas.

As reformas das escolas integram o programa “Educar Mais”, ação executada pela Prefeitura de São Luís para garantir mais qualidade ao ensino e melhores condições de trabalho aos educadores, tendo também como foco principal a aprendizagem, o monitoramento, a formação continuada, a gestão e a infraestrutura predial.

Assim como a U.E.B. Professor José da Silva Rosa, outras duas escolas municipais do São Bernardo também estão passando por ampla reforma e serão entregues à comunidade nos próximos dias. Entre as unidades em processo de restauração no bairro estão as U.E.Bs. Emir Justino e Ana Lúcia Chaves Fecury, esta última foi uma das incendiadas em ato de vandalismo em outubro do ano passado. As obras em ambas as escolas estão na fase final dos serviços.

Após o triste episódio de violência, a U.E.B. Ana Lúcia Chaves Fecury passou por reforma geral de sua estrutura física, deixando para trás o trauma do ocorrido. Localizada na Rua Santo Antônio, bairro São Bernardo, os serviços de restauração da unidade contemplaram intervenções na rede elétrica e hidráulica, recuperação total do telhado que havia sido danificado pelo fogo, colocação de novos pisos no banheiro e nas salas de aula; ganhou nova mobília, pintura nova e instalação de aparelhos de ar-condicionado em todos os ambientes.

A U.E.B. Ana Lúcia Chaves Fecury possui 12 salas de aula e atende cerca de 800 estudantes do 1º ao 9º ano do Ensino Fundamental, nos períodos matutino e vespertino.
Serviços similares de restauração total também foram realizados na U.E.B. Emir Justino, outra escola municipal do São Bernardo contemplada com intervenções.